Tiranos de nós mesmos: a servidão voluntária na era da sociedade do desempenho

É o próprio povo que se escraviza e se suicida quando, podendo escolher entre ser submisso ou ser livre, renuncia à liberdade e aceita o jugo; quando consente com seu sofrimento, ou melhor, o procura. — Étienne de La Boétie[1] Durante o século XVI, em algum ponto entre seus 16 e 18 anos, Étienne de … Continue lendo Tiranos de nós mesmos: a servidão voluntária na era da sociedade do desempenho