Partido de May defende redução de imigrantes no país
Sexta-feira, 19 de maio de 2017

Partido de May defende redução de imigrantes no país

Informações e foto por: Opera Mundi

Em campanha para as eleições do próximo mês, o Partido Conservador da premiê Theresa May lançou um manifesto nesta quinta-feira (18) pregando um “futuro melhor” e mostrando que será duro nas negociações para a saída da União Europeia e com os imigrantes.

No documento, os “Tories” prometem “reduzir e controlar” as imigrações ao país e, segundo May, em um pronunciamento em Halifax, seu governo quer “reduzir a imigração a níveis sustentáveis”.

 “Quando nós sairmos da União Europeia, teremos a capacidade de impor regras no sistema de imigração que não havíamos conseguido estabelecer no passado“, ressaltou, destacando que a imigração líquida deve ficar abaixo dos 100 mil.

Apesar de não estabelecer data para atingir a meta, os britânicos querem equilibrar o número de imigrantes que chegam ao país em relação àqueles que deixam a Grã-Bretanha para trabalhar no exterior.

De acordo com a líder britânica, o manifesto quer mostrar que a Grã-Bretanha pode ser melhor através de “um bom e sólido conservadorismo“. Outro ponto abordado pelo documento dos Conservadores, é que ter “nenhum acordo” com o bloco europeu pelo ‘Brexit’ “é melhor do que ter um mau acordo”, mostrando que sua postura será muito dura com os europeus.

Segundo May, a ideia é que o seu país “não fique meio fora e meio dentro” da União Europeia, mas sim que haja “um novo contrato entre o governo e seu povo“.

O slogan do lançamento do manifesto é “adiante, juntos” e ressalta que o Reino Unido viverá uma nova era de prosperidade assim que deixar a UE. Além de frear a imigração, o documento ainda ressalta que um novo governo de May dará um novo impulso para a economia, combaterá as “divisões sociais” e dará uma resposta a população preocupada com seu futuro e seus direitos.

Apesar das eleições estarem marcadas para o dia 8 de junho, o Partido Conservador tem ampla vantagem de acordo com as pesquisas eleitorais. No último levantamento do YouGov, 45% dos britânicos pretendem votar nos “Tories” e 32% no Partido Trabalhista, de Jeremy Corbyn.

May antecipou as eleições, que estavam marcadas para 2020, para reforçar sua presença nas negociações do Brexit com a União Europeia. 

Sexta-feira, 19 de maio de 2017
COMPARTILHE

Tweet
Share
Google

APOIO

Apoiadores
Seja um apoiador

ANUNCIE

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 145 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

[email protected]
Av Paulista, 1776, 13º andar, Cerqueira César
São Paulo/SP