Apresentação

Amigos e amigas,

O Justificando nasceu discutido nas ruas e nos bares, na mesa de bar, onde tudo se fala e onde Censura alguma se atreveria a sentar-se. Nasceu para questionar e discutir, nasceu compromissado definitivamente com a liberdade mais absoluta e compromissado com as lutas raciais, de gênero, com as lutas pela extinção definitiva das masmorras brasileiras, com a libertação e com a liberdade. Se houver um DNA, queridos amigos, nele estará gravada nossa essência que se resume nessa palavra que há de despertar: Liberdade.

Somos jovens e nosso público é essencialmente jovem. Nossa maior meta a longo prazo é ser a fonte de artigos e notícias jurídicas das gerações que estão chegando agora e das gerações com sede de consumir material questionador, mas que não encontram nada sequer parecido. Queremos influenciar os jovens que amanhã serão os juízes, ministras, promotores, advogadas e professores, como também plantar a semente do questionamento na mente das pessoas que já estão praticando o direito.

Esse é o Justificando, em torno do qual nos reunimos nesse portal, como os índios o fariam em torno do fogo, porque será dessa rede que sairemos ainda mais fortalecidos. Somos 3 advogados que se transformaram em jornalistas, duas estagiárias, uma sala de redação e um estúdio. Só com isso, chegamos onde chegamos. 

O interação é fundamental; novas ideias, então, são indispensáveis. É a hora de ir pra cima, mostrar que o Just não é grande, mas sim gigante. Somos mais de 40 colunistas, somos mais de 1 milhão de acessos mensais, além de centenas de milhares de pessoas ávidas a transformarem o Direito que nos acompanham nas redes sociais.

Andamos juntos pois assim somos mais fortes. Como dizia Hemingway, a companhia na trincheira é mais importante que a própria guerra. Por isso, andamos juntos, como também na companhia de Juízes para a Democracia, IBCCRIM, Conectas, Pastoral Carcerária, Artigo 19, Anistia Internacional, entre tantos guerreiros que se levantam nesse momento tão delicado do país.

Delicado mesmo. Nunca antes vimos um Judiciário tão partidarizado, reacionário e desvinculado da Constituição Federal, dos fundamentos da República. Estamos numa época que o voto pouco vale, senão para protagonizar disputas de quem não vê nas liberdades e direitos humanos o único horizonte possível para se caminhar.

Dessa transformação você, leitor e leitora, é protagonista para que consigamos prosseguir nessa jornada de produzir inquietações, de gerar desconfortos. Juntos talvez não sejamos os winners, mas sim aqueles que transcendem a vitória e a derrota e fazem do processo histórico o processo de luta democrática.

Em nome do Justificando, em nome desses parceiros-irmãos, em nome de todos e todas, abrimos as portas desse portal para que, junto contigo, possamos plantar o chão da democracia, da igualdade racial, da igualdade sexual, do fim de todas as intolerâncias, do pluralismo, contra toda forma de opressão e pensamento encaixotado nas bulas desgastadas dos faraós embalsamados.

Sejam Bem-Vindos! Sejam Bem-Vindas!

André Zanardo, Brenno Tardelli e Igor Leone são fundadores do Justificando

COMPARTILHE

Tweet
Share
Google

APOIO

Apoiadores
Seja um apoiador

ANUNCIE

Aprox. 500 mil visitas mensais. 117 mil curtidas no Facebook. Newsletter com alcance de 105 mil pessoas.

CONTATO

[email protected]
Av Paulista, 1776, 13º andar, Cerqueira César
São Paulo/SP